Iguana revisited #5

Tá realmente difícil postar, amigos. PROMETO, porém, não deixar o Quengaral morrer. Tenham paciência. Por enquanto, vejam mais um postzinho:
 

Marvada pinga

 

Após a merda, demos o espaço devido a algo comum na vida de boa parte dos todos os universitários. Na iminência dos gloriosos Jogos de Comunicação, sinto-me propenso a discorrer sobre tal assunto.
 

Quem nunca tomou AQUELE porre!?

(Nem vêm dizer que não bebem, por favor. Seus cínicos!)

Esquerda festiva

 O etanol é um álcool, cuja massa molar é de 46 g/mol, polar, volátil, com ponto de ebulição a 78°C no nível do mar. É obtido através da fermentação da sacarose. Tópico, pode ser utilizado como esterilizante e é utilizado em bebidas, que podem ser fermentadas ou destiladas. Não se pode consumir o álcool vendido em postos de gasolinas e supermercados devido à adição de benzoato de denatônio, substância que tem um gosto não agradável aos seres humanos.  

 
A pinga deixa nóis muitcho dodjo, visse?!
 
Marrintão, este pitoresco tiragosto serve como intrumento recreativo para várias pessoas. Faz pessoas feias conseguirem pegar alguém. Faz pessoas totalmente diferentes se tornarem melhores amigas em uma noite, se pegarem e gorfarem juntas no banheiro, nesta sequência.
 
 
 “O álcool é um poderoso lubrificante social,” Oscar Wilde sobre álcool
Esta bebida é uma das responsáveis por esta situação de vazio e crise que vivemos“, José Salvador Faro sobre álcool
Ããããããã“, Rose Segurado sobre álcool
“Ronaldo!”, aquele corinthiano lá sobre álcool
Fui eu que fiz“, Paulo Maluf sobre álcool
“O vinho alegra o homem”, Jesus Cristo sobre álcool – SÉRIO!
“Cachaceiros do mundo, uni-vos!” Karl Marx sobre álcool

      

Pois sim, posso afirmar com toda a convicção (e baseado na práxis marxista, pois já fiz isso demais…) que você fez as piores e as melhores coisas da sua vida auxiliado desta inebriante bebida. Aquela gata que tu catou na cagada aquele dia, lembra? Aquela que NUNCA MAIS você vai conseguir? Vai dizer que, se não fosse aquela tequilinha, você tinha pêgo? Teu cu, seu nerd! A primeira briga em que você se meteu, por causa daquela menina que você nem lembra o nome? Se não fossem aquelas 15 cervejas, você nem ia desconfiar dela, seu babaca!
 
E tem algo mais marcante na nossa puberdade do que o primeiro porre? Aquele que você toma míseros três chopps e sai gorfando no vestido das menininhas e sai pensando “nunca vou pegar nenhuma dessas aí, fodeu!”. E a primeira PT, aquela que você desmaia, vai tomar glicose, seu pai vai te buscar e você diz que “a culpa foi do suco de maracujá”? Ah, grandes tempos!
 
Sem contar aquelas peculiares histórias de bêbado…
 
Tem sempre um amigo apaixonado, que vê uma mina mais ou menos na balada, mas ela não dá bola. Daí começa o chororô, o gorfo, a encheção de saco, o gorfo, a vontade de dançar forró com o segurança, a gorfada no segurança, a segunda tentativa de ficar “com o amor da vida dele”, o fora, o chororô e o gorfo nos pés da menina.
Ou então aquele amigo que ri como uma hiena pestilenta de Madagascar. Toma uns gorós e começa a se achar o fodão; mas não deixa de ser o idiota de sempre e acaba levando dezesseis tocos, acaba chorando e gorfando na roupa e no carro dos amigos.
 
E aquele amigo que se acha o camarada, popular, abraça e beija a todos e acaba deitando e gorfando nas pernas na tua namorada?
 
Sem contar nas celebridades etílicas que se tornaram conhecidas por causa desta maravilha, tais como Mussum, Jeremias José, Mallu Magalhães, João Canabrava e o nosso presidente Lula, espelho de um país bebaaaaaaço? SUMEMO, estamos cercados de bêbados por todos os lados, man!
 
Mesmo com todas as maravilhas proporcionadas por este elixir ímpar, lembre-se sempre,
 
 

CU DE BÊBADO NÃO TEM DONO!

Não se esqueça nunca disso, infame!
 
 
Sem mais, vou jantar e tomar uma. Beijos! 
Anúncios

3 Comentários

  1. Eu como leitora assídua do Quengaral e hermana do autor dos posts, tenho que deixar registrada minha passagem.

    Ce, vc é impagável!
    hahahaha

    Beijos da sua hermanita

  2. Sim, provavelmente por isso e

  3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    ja vi váários desses efeitoss 🙂


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s